Party for the Animals calls for a EU-wide ban on keeping animals in cages after successful citizens’ initi­ative


23 Abril 2021

A UE deve introduzir urgentemente uma proibição legal da manutenção de animais em gaiolas. Esta é a convocação da eurodeputada Anja Hazekamp, do Partido para os Animais dos Países Baixos, feita durante uma audiência oficial no Parlamento Europeu na quinta-feira passada, na sequência da bem-sucedida iniciativa civil ‘End the Cage Age’, que foi assinada por 1,4 milhão de cidadãos.

Você precisa aceitar cookies antes de poder assistir a este video

MEP Anja Hazekamp do Partido para os Animais dos Países Baixos durante a audiência no Parlamento Europeu.

Mais de 342 milhões de animais mantidos na Europa para produção de alimentos passam a vida em gaiolas. Esses animais incluem porcos, galinhas, coelhos, patos, gansos, codornas e cordeiros. “Esses animais não têm espaço para se mover e muitas vezes não conseguem se virar ou se esticar devido à falta de espaço. Suas vidas são uma miséria absoluta”, disse Hazekamp.

De acordo com pesquisas recentes encomendadas pelo Parlamento Europeu, e com contribuições de cientistas de várias universidades, é possível tornar a pecuária totalmente livre de gaiolas. A investigação mostra que a legislação da UE é a forma mais eficaz de se conseguir isto.

“Especialistas e cientistas há muito concordam que o uso de gaiolas é cruel, desatualizado e desnecessário. E agora também os cidadãos estão exigindo, em massa, proteger melhor os animais e libertá-los dessas jaulas de uma vez por todas. Portanto, cabe ao Comitê Europeu mostrar que leva a iniciativa de cidadãos a sério como um instrumento democrático e que os cidadãos podem efetuar mudanças não apenas na teoria, mas também na prática”, disse Anja Hazekamp.