Partido para os Animais: Campeão do Meio Ambiente em Bruxelas


7 Maio 2019

O Partido para os Animais dos Países Baixos foi declarado o partido holandês mais amigo do meio ambiente no Parlamento Europeu pela Climate Action Network Europe (CAN). Nos últimos cinco anos, o Partido para os Animais ganhou o maior número de votos em planos de proteção climática, tornando-se o campeão holandês do meio ambiente em Bruxelas, de acordo com a CAN.

A CAN (Climate Action Network Europe) consiste em cerca de 150 organizações, incluindo o Greenpeace, o World Wildlife Fund e o Seas at Risk. As organizações classificaram os partidos como "defensores do clima" (pontuação mais alta), "retardadores do clima" e "dinossauros climáticos" (pontuação mais baixa). A revisão analisou o comportamento dos votos nas questões de redução das emissões de gases de efeito estufa, objetivos para energia sustentável e economia de energia.

“A mudança climática é a maior ameaça para o futuro do nosso planeta. O Partido para os Animais novamente quer fazer o máximo esforço para acabar essa ameaça nos próximos cinco anos”, de acordo com Anja Hazekamp, deputada e principal candidata do Partido para os Animais holandês para as próximas eleições europeias em 23 de maio.

Nesta semana, o Partido para os Animais apresentou seu programa eleitoral Plano B para a Europa, que inclui planos para a proibição de mega-fazendas, a abolição dos subsídios europeus para a indústria pecuária e o incentivo a uma dieta baseada em vegetais. “Propostas favoráveis aos animais que tenham um efeito favorável sobre o clima, além de poupar bilhões de euros aos contribuintes”, segundo Hazekamp.

Animal Politics EU

O Partido para os Animais dos Países Baixos tem trabalhado nos bastidores junto com partidos irmãos em todo o mundo. Onze desses partidos para os direitos dos animais, uma sociedade mais igualitária e sustentável estão a colaborar este ano para as eleições do Parlamento Europeu. Eles o fazem sob o nome “Animal Politics EU” (Política Animal UE) e lançaram um manifesto coletivo. Além do Partido para os Animais (Holanda), o movimento inclui PACMA (Espanha) Djurens Parti (Suécia), Partito Animalista Italiano (Itália), Parti Animaliste (França), DierAnimal (Bélgica), Animal Party Cyprus (Chipre), Partei Mensch Umwelt Tierschutz (Alemanha), EOP (Finlândia), Animal Welfare Party (Reino Unido) e PAN (Portugal).

O movimento espera outra grande vitória eleitoral nas próximas eleições do Parlamento Europeu em maio.

O que nós defendemos

Meio ambiente, clima e energia

Organização relacionada